APRENDIZADO

Mapeamento: dados com destino certo

Com o Tableau, é mais fácil entender não só o “por quê”, como também o “onde”

Faça seus mapas trabalharem mais para você

Aumente o valor analítico do seu mapa

Áreas personalizadas

Crie com rapidez e facilidade as áreas geográficas personalizadas mais importantes para as suas análises. Agrupe locais existentes nos seus dados, como estados, códigos postais e países, para criar áreas personalizadas.

Criar suas próprias áreas

Eixo duplo

Por que se contentar com um único conjunto de marcas em um mapa? Com mapas de eixo duplo, você pode adicionar mais camadas de informações à sua análise geográfica.

Criar um mapa de eixo duplo

Dados espaciais

Se você tem arquivos Shapefiles ESRI, tabelas MapInfo, arquivos GeoJSON ou KML, é possível tirar proveito dos conectores nativos no Tableau para mapear seus arquivos espaciais e gerar um mapeamento mais robusto.

Conecte-se ao seu arquivo espacial

Tipos de mapas

Mapa preenchido

Mapas preenchidos (ou mapas coropléticos) são ótimos para mostrar proporções ou dados agregados para áreas geográficas, como municípios, regiões ou estados. Esses mapas são mais visuais, com fronteiras perceptíveis e marcas em forma de áreas conhecidas.

Mapas de distribuição de pontos

Mapas de distribuição de pontos podem revelar padrões e são ideais para ver como as coisas estão distribuídas ao longo de uma região geográfica. Como a área ou o tamanho da região não distorce os valores, é mais fácil fazer comparações absolutas e se concentrar em itens como clusters e padrões de distribuição.

Mapas aranha

Você pode usar um mapa aranha para mostrar a interação entre um local de origem e um ou mais locais de destino. Por exemplo, rotas de metrô ou escalas de companhias aéreas.



Tableau + Mapbox = mapas extraordinários

Como responder às suas perguntas sobre os dados usando um mapa