A Tableau apresenta o Hyper, uma nova tecnologia de processamento de dados que oferece um desempenho de análise sem precedentes


O Tableau 10.5 conta com a tecnologia Hyper, que oferecerá a seus usuários consultas cinco vezes mais rápidas e um processo de criação de extrações três vezes mais rápido. Outras novidades são o Tableau Server para Linux, visualizações integradas às dicas de ferramentas e controles adicionais de governança.

Data de publicação: 10 Janeiro, 2018 - 14:30

SEATTLE, Washington, 10 de janeiro de 2018 – A Tableau Software (NYSE: DATA), líder em análises visuais, anunciou hoje o lançamento do Hyper, a nova tecnologia de processamento de dados incluída no Tableau 10.5. A tecnologia Hyper é capaz de processar e analisar grandes volumes de dados em segundos, possibilitando aos usuários uma velocidade de consulta cinco vezes mais rápida e uma velocidade de criação de extrações até três vezes mais rápida.* Isso agilizará a obtenção de informações de conjuntos de dados ainda maiores, permitindo que as organizações expandam suas análises para mais pessoas. A nova versão do Tableau também inclui o Tableau Server para Linux, além de oferecer a possibilidade de integrar diversas visualizações em uma única exibição com o recurso de visualização na dica de ferramenta. O Hyper estará disponível para todos os clientes de todos os produtos Tableau esta semana, junto com os demais recursos do Tableau 10.5, que incluem linhas de tendência exponenciais com a opção de arrastar e soltar, um novo conector para o Box e atualizações para o Tableau Mobile. Para saber mais, visitewww.tableau.com/pt-br/new-features

“A tecnologia de processamento de dados Hyper, que estará integrada em toda a plataforma do Tableau, representará um avanço extraordinário no desempenho de análises para nossos clientes. O Hyper traz os maiores avanços em processamento de dados na memória para oferecer uma análise visual fácil e rápida para todos os usuários”, afirma Francois Ajenstat, diretor de produtos da Tableau. “A equipe da Tableau fez um trabalho incrível e estamos muito orgulhosos por podermos oferecer essa tecnologia de processamento de dados inovadora, incorporá-la aos produtos Tableau e disponibilizá-la como uma simples atualização para os nossos clientes. O Hyper melhora o desempenho e a escalabilidade das análises, tornando os dados mais úteis em todos os níveis e em mais organizações do que nunca. ”

Hyper
O Hyper é a nova tecnologia de processamento de dados na memória do Tableau, desenvolvida para acelerar a ingestão de dados e o processamento de consultas em análises de conjuntos de dados grandes ou complexos. Seu desempenho aprimorado na criação e na atualização de extrações e sua capacidade de processar conjuntos de dados ainda maiores possibilitam aos usuários gerar extrações de dados de acordo com suas necessidades empresariais, sem se preocuparem com as limitações dos agendamentos. Além disso, o Hyper é capaz de executar consultas em grandes volumes de dados em segundos, permitindo que os usuários permaneçam no fluxo de análise. Com seu desempenho de consultas aprimorado, a abertura de painéis complexos é agilizada, o processamento dos filtros fica mais rápido e a inclusão de novos campos nas visualizações é praticamente instantânea. O Hyper foi originalmente desenvolvido na renomada Universidade Técnica de Munique (TUM), na Alemanha. A Tableau adquiriu os direitos comerciais da tecnologia e a integrou ao seu produto em menos de 18 meses.

O Hyper também ajuda os usuários do Tableau a escalonar suas extrações para um uso mais amplo, aproveitando os avanços do mais recente processador com vários núcleos e empregando novas técnicas de paralelização de carga de trabalho. Essa tecnologia, com patente ainda pendente, é um sistema de processamento ágil na memória, desenvolvido para cargas de trabalho relacionadas a transações e análises e que não compromete o desempenho. Aproveitando as mais modernas técnicas de otimização de consulta e um sistema único de armazenamento em colunas para todas as cargas de trabalho, o Hyper diminuirá a distância entre os usuários e seus dados.

“Nos negócios, perguntas rápidas exigem respostas ainda mais rápidas. Estamos testando a versão beta e, até agora, ficou claro que, com conjuntos de dados complexos, o Hyper nos deixa muito mais aptos a tomar decisões com base nos dados”, afirma Rory Abbazio, diretor de análises de dados de TI da National Grid. “Nesse sentido, ele pode ter um enorme valor estratégico para nós. Além de melhorar significativamente o desempenho das nossas visualizações, vemos uma oportunidade de reduzir os custos com infraestrutura usando de forma exclusiva o processador de dados do Tableau.”

O Hyper passou por um extenso processo de validação com clientes e com a equipe de desenvolvimento interna, incluindo um programa de pré-lançamento com duração de sete meses e testes de desempenho realizados durante a noite com 62.000 pastas de trabalho. Atualizar para a versão do Tableau com o Hyper é muito simples: os usuários só precisam atualizar para o Tableau 10.5. Não é preciso fazer nenhuma migração de dados.

Com o Hyper, o Tableau continua oferecendo aos seus clientes opções e flexibilidade para suas análises, uma vez que eles podem escolher como se conectar aos seus dados. Nossos clientes podem aproveitar a arquitetura híbrida do Tableau, com as opções em tempo real e de extração, além do seu portfólio com mais de 65 conectores para mais de 75 tipos de fontes de dados.

Tableau Server no Linux
O Tableau 10.5 também apresenta o Tableau Server para Linux, possibilitando que nossos clientes combinem a plataforma de análise do Tableau com os recursos empresariais do Linux. Com os mesmos recursos oferecidos pelo Tableau para Windows, nossos clientes que já utilizam o Linux em seus ambientes de TI agora podem integrar com rapidez e facilidade o Tableau Server aos seus processos e fluxos de trabalho. Com essa nova opção de implantação, os clientes que preferirem o Linux não precisarão mais manter ambientes com o Windows e o Linux para usar o Tableau. Além disso, para os clientes que quiserem executar o Tableau na nuvem pública, o Tableau Server para Linux é uma solução bastante interessante. Embora o preço do Tableau Server seja o mesmo para as duas plataformas, implantá-lo na nuvem pública ou em um servidor Linux é uma opção de implantação muito mais econômica.

O Tableau Server para Linux foi desenvolvido do zero para facilitar sua implantação e seu gerenciamento. Ele também oferece suporte para CentOS, Ubuntu, Red Hat Enterprise Linux e Oracle Linux. As equipes de TI também podem controlar a autenticação de usuários utilizando LDAP, Active Directory ou a autenticação local. A migração do Tableau Server para Linux é muito simples: basta utilizar o recurso de backup e restauração.

Bridget Cogley, consultora sênior da Teknion Data Solutions, compartilhou recentemente seu entusiasmo pelo Tableau Server para Linux: “Estou muito empolgada com o Tableau Server para Linux por dois motivos. Primeiro, porque o custo total de propriedade será menor. Segundo, porque ele atende a um grupo de desenvolvedores em busca de mais controle e segurança e ainda transforma o Tableau Server em uma ferramenta agnóstica em relação à plataforma.”

Visualização na dica de ferramenta
A Tableau continua investindo em novas formas de visualizar os dados e interagir com eles. Com o recurso Visualização na dica de ferramenta, os usuários podem interagir com os dados de forma mais aprofundada e maximizar o espaço disponível no painel incorporando visualizações contextuais na dica de ferramenta, sem escrever uma única linha de código; algo inédito no setor. Esse recurso permite que o usuário posicione o ponteiro do mouse sobre uma marca para exibir detalhes imediatamente, sem precisar sair da exibição original.

Ele também permite que os usuários do Tableau otimizem seus painéis e histórias, visualizando novas informações dentro do contexto, economizando espaço e mantendo o design organizado com a inclusão de dados complementares na dica de ferramenta. Assim, será possível contar duas histórias em uma única visualização, usando a dica de ferramenta para complementar o painel com dados adicionais. As novas dicas de ferramenta incentivam a curiosidade e a exploração dos usuários ao tornar os painéis do Tableau ainda mais interativos, convidando as pessoas a saber mais sobre os dados de forma participativa.

“O recurso Visualização na dica de ferramenta é muito importante para análises ad hoc”, afirma Andy Kriebel, professor-chefe da Data School do The Information Lab. “Em vez de alternar entre várias exibições, você pode ver as informações apenas posicionando o ponteiro do mouse sobre a dica de ferramenta. Trazer as informações para o fluxo de análise agilizará ainda mais o processo decisório!”

Mais governança e controle de conteúdos
O Tableau 10.5 também inclui projetos aninhados, oferecendo um controle maior sobre a organização do conteúdo e as permissões de acesso a ele. Isso facilita a organização das pastas de trabalho para que todos encontrem o que procuram. As permissões de acesso a pastas também podem ser personalizadas no nível do projeto ou com uma estrutura de permissões hierárquica.

Para saber mais sobre o Tableau 10.5, visite www.tableau.com/pt-br/new-features

*Comparação do desempenho do processador de dados do Tableau com e sem o Hyper com uma combinação de cenários elaborados para refletir os casos de uso de clientes mais comuns. Os resultados poderão variar de cliente para cliente.

Sobre a Tableau Software
A Tableau (NYSE: DATA) ajuda as pessoas a ver e entender os dados e a explorá-los em análises visuais ilimitadas. Nossos clientes podem criar painéis e fazer análises ad hoc com apenas alguns cliques. Eles podem compartilhar seus painéis com quem desejarem e gerar um impacto positivo nos negócios. De empresas globais a startups em estágio inicial, mais de 65.000 contas de clientes no mundo inteiro usam o Tableau para transformar os dados em informações acionáveis, e mais de 300.000 pessoas usam o Tableau Public para compartilhar dados públicos em seus blogs e sites. Baixe a versão de avaliação gratuita em www.tableau.com/pt-br/trial e veja como o Tableau pode ajudar você.

Tableau e Tableau Software são marcas comerciais da Tableau Software, Inc. Todos os outros nomes de produtos e empresas podem ser marcas comerciais das respectivas empresas às quais estão associados.

Declarações prospectivas
Este comunicado à imprensa contém declarações prospectivas que implicam riscos, incertezas e hipóteses. Se for constatado que tais incertezas se materializaram de forma negativa ou que tais hipóteses estavam incorretas, os resultados do Tableau poderão ser consideravelmente diferentes dos resultados descritos ou sugeridos por nossas declarações prospectivas. Todas as declarações não referentes a fatos históricos devem ser consideradas prospectivas, inclusive quaisquer projeções relativas a recursos, desempenho, integração e segurança do produto, ou quaisquer declarações de previsões sobre recursos novos, planejados ou atualizados e desenvolvimentos do produto. Esses e outros fatores de risco importantes estão incluídos em documentos registrados pela Comissão de Valores Mobiliários dos EUA, incluindo o último Formulário 10-Q registrado da Tableau, o relatório anual sobre o Formulário 10-K e outros relatórios e registros na Comissão de Valores Mobiliários e podem fazer com que os resultados reais sejam diferentes das expectativas. A Tableau não assume qualquer obrigação de atualizar as declarações prospectivas publicadas para refletir eventos ou circunstâncias posteriores à data em que tais declarações foram feitas.

Todos os serviços ou recursos não lançados mencionados neste ou em outros comunicados à imprensa, apresentações ou declarações públicas não estão disponíveis atualmente e podem não ser disponibilizados no prazo determinado ou a qualquer momento. Os clientes que comprarem nossos produtos e serviços devem tomar suas decisões de compra levando em consideração os recursos que já estão disponíveis.